Entre os assuntos foram apresentados serviços de auditoria nos municípios pelo SEAUD e a Plataforma de Governança GISSA. Gestores, técnicos, apoiadores e convidados somaram mais de 60 presentes no encontro

 

Mais de 40 secretários participaram da Reunião Ampliada do COSEMS, na última sexta-feira (23), que contou ainda com a presença de técnicos, assessores e convidados contabilizando mais de 60 presentes no Auditório Waldir Arcoverde, da SESA.

O Serviço de Auditoria do SUS no Ceará (SEAUD/CE), representado por Socorro Pinto, trouxe para o encontro o Programa de Promoção do Estabelecimento do Sistema Nacional de Auditoria (SNA). Ela destacou que “nos últimos dez anos, 90% dos municípios cearenses participaram, de uma forma ou de outra, do debate sobre a auditoria na perspectiva no SNA”.

No entanto, para o período 2017/2019, o DENASUS selecionou apenas 56 municípios para execução do Programa. “O mais importante discutido hoje foi a ressignificação do SNA. Uma pauta que também esteve em discussão no CONARES. Hoje nós tivemos o SEAUD na nossa reunião e falamos sobre a mudança radical que está havendo no comportamento da auditoria frente aos municípios e isso para nós é muito importante e gratificante, faz muito tempo que nós queremos fazer isso” destacou a vice-presidente do COSEMS, Sayonara Cidade. Para saber mais sobre os critérios e possibilidades de novas adesões entre em contato com o SEAUD através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Outro ponto da pauta que despertou o interesse dos secretários foi a Solução de Governança Inteligente em Sistemas de Saúde – GISSA, apresentada por uma das idealizadoras, Lucélia Saraiva. Sobre a nova Plataforma digital, que organiza as informações em tempo real para o município, Lucélia afirma: “foi feito um alicerce para suportar as Redes de Atenção à Saúde. Já temos a Atenção Básica e a Rede Cegonha, que é a ordenadora de todo o processo materno-infantil e estamos em desenvolvimento as Redes de Urgência e Emergência”. Mais informações sobre a Plataforma pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

CLIQUE AQUI para ver a galeria de fotos no flickr

Outros informes

Sayonara ainda comentou sobre os informes trazidos da última Reunião do CONARES, realizada dia 21 de fevereiro, em Brasília, onde estiveram também o presidente da entidade Josete Tavares; secretário de articulação interinstitucional Rilson Andrade e o secretário de Pacatuba e vice-presidente do CONASEMS, Wilames Freire.

“Lá [na reunião do CONARES] foi discutida a situação das cirurgias eletivas, o desempenho de todos os municípios e estados, e consta que o nosso estado está com o desempenho de 10%. Nós pedimos aqui o apoio dos secretários para que a gente possa concluir esse recurso que é muito importante para todos nós”, reforçou Sayonara. Ela ainda lembrou do novo recurso para aplicação na educação permanente que deverá entrar diretamente nos cofres municipais (Portaria Nº 3.194/2017) e da importância de os municípios estarem atentos para adesão no Programa de Informatização das UBS (PIUBS), através do site portalms.saude.gov.br

Novos gestores

Tendo experiência na área de gestão e assistência pelo SUS, o enfermeiro Francisco de Oliveira assume pela primeira vez a secretaria de saúde de Alto Santo. “Fico muito feliz de estar participando desses momentos de grande conhecimento, que nos fortalecem, ajudam a ter alguns esclarecimentos para chegarmos até o município e conseguir desenvolver um trabalho bem melhor”, comentou.

Pedro Alves, que atuava como secretário-adjunto do município de Ipaumirim, foi à primeira Reunião Ampliada como titular da pasta, cuja nomeação se deu no mês de janeiro. Ele considerou o encontro de alta relevância já que deu suporte a várias dúvidas. Para o gestor, uma das maiores dificuldades encontradas no município atualmente é lhe dar com a instabilidade de alguns servidores, assim como questões orçamentárias. “Todos sabem o momento que o país está passando, por consequência os municípios e estados, mas devagarzinho a gente vai segurando. Esse ano já começou melhor”, explanou.

CIB 

Na reunião da CIB-CE foi aprovado o projeto de Ampliação do SAMU 192, que em breve atenderá todo o Estado do Ceará, com um custeio anual da ordem de 45 milhões. Na oportunidade o presidente do COSEMS/CE, Josete Tavares, reforçou a defesa do projeto de reestruturação de pelo menos 15 Serviços Hospitalares de Traumato-Ortopedia de Média Complexidade, distribuídos no interior e região metropolitana, como forma de melhor atender a legião de pacientes com fraturas fechadas existentes atualmente no Ceará. Essa proposta é defendida também pela APRECE e tem um custo estimado semelhante ao valor aprovado na CIB para a expansão do SAMU.

--

Assessoria de Comunicação do COSEMS/CE
Amanda Macêdo / Fernando Cruz / Karlla Gadelha / Mário Cabral
Telefone: (85) 3101.5444
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.