Municípios

Acontece nesta quarta-feira, na Câmara de Vereadores de Guaiuba, a primeira Oficina de Saneamento Básico do município, realizada através de um convênio entre a Prefeitura Municipal e a Agência Reguladora do Ceará. Presentes na oficina, estão os vereadores Eudes Barreto, Luzia Holanda, Claubia Cordeiro, Nilson, Preto Jenuino, Mailton Nocrato, Savio Nogueira. Além deles, participam o Promotor de Justiça, Dr. Sérgio Henrique Leitão, profissionais do Programa de Saúde da Família, Agentes Comunitários de Saúde, Agentes de Combates as Endemias, Vigilância Sanitária, Conselho Municipal de Saúde, APAE Guaiuba, Secretaria de Assistência Social, além de equipe técnicas da CAGECE e da ARCE.

O convênio tem três objetivos principais: a elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico, o uso racional de água para consumo humano e a gestão do Saneamento Básico. A primeira etapa prevê a realização de teste da metodologia e levantamento de dados e informações no povoado do Dourado, para em seguida ser trabalhado em todos os distritos e a Sede do município. Este convênio terá duração de três anos, podendo ser prorrogado por igual período.

 

 

--

Assessoria de Comunicação do COSEMS/CE
Amanda Macêdo / Fernando Cruz / Karlla Gadelha / Mário Cabral
Telefone: (85) 3101.5444
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Aconteceu durante toda a última terça-feira (12), a Oficina do Plano Cearense de Educação Permanente em Saúde, realizada na Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Sabóia, em Sobral.

A mesa de abertura contou com representantes da SESA, CRES, IES, Conselho Municipal de Saúde e Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Saboia. Representando o COSEMS/CE, a Coordenadora do Projeto Rede Colaborativa para o Fortalecimento do SUS, Virginia Justa, além das apoiadoras Alessandra Albuquerque e Mariana Girão.

O evento contou com atividades voltadas aos referenciais para construção do Plano com uma metodologia participativa com a discussão dos eixos temáticos.

 

*Com informações da Coordenadora do Projeto Rede Colaborativa para o Fortalecimento do SUS, Virginia Justa

 

--

Assessoria de Comunicação do COSEMS/CE
Amanda Macêdo / Fernando Cruz / Karlla Gadelha / Mário Cabral
Telefone: (85) 3101.5444
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

A 3ª CRES, tendo como Coordenadora a Dra Benedita Oliveira, sediou no dia 08 de agosto, no auditório da Faculdade Excelência- FAEX, na cidade de Maranguape, a I Reunião da Comissão de Integração de Ensino-Serviço - CIES da Macro Fortaleza. A Secretaria de Saúde do Estado (SESA), foi representada pela Secretária Adjunta, Drª Isabel Cavalvanti e a Coordenadora Estadual da CIES, Drª Silvia Bonfim, onde reuniram-se com os Gestores, profissionais de saúde, conselheiros de saúde, instituições de ensino. O COSEMS/CE esteve representado pela Apoiadora da Região, Adanizia Gurgel.


Nessa oportunidade houve a posse dos membros da CIES Macro Fortaleza, com a apresentação dos apoiadores da Educação Permanente do Estado. Vários assuntos de relevância foram abordados pelos presentes, construindo assim um primeiro cenário para a construção do Plano Macro Regional de Educação Permanente, que norteará o Plano Estadual. As ações em Educação Permanente realizadas pelo COSEMS/CE, destacando a realização dos Ciclos Temáticos, direcionados a capacitar gestores, contadores, procuradores, controladores e demais técnicos municipais, foram elogiadas por alguns secretários presentes.

Os Ciclos Temáticos se apresentam sempre com temas atuais e relevantes a qualificação da gestão, buscando o empoderamento dos gestores de saúde. Com caráter descentralizado os Ciclos Temáticos mobilizaram um público expressivo e contaram com palestrantes de alto nível técnico. Destacam-se ainda as ações prestadas em Educação Permanente pelo COSEMS /CEatravés dos seus Apoiadores em todo estado, levando capilaridade, rapidez e segurança nas trocas de informações aos gestores e sua equipe técnica, qualificando as gestões municipais e as regiões de saúde.

 

*Com informações da Apoiadora, Adanizia Gurgel

 

--

Assessoria de Comunicação do COSEMS/CE
Amanda Macêdo / Fernando Cruz / Karlla Gadelha / Mário Cabral
Telefone: (85) 3101.5444
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Evento aconteceu em Maracanaú e voltou-se para a capacitação complementar do QualificaAPSUS

Aconteceu na última quarta-feira (16), a Capacitação Complementar de Estratificação de Risco e Manejo Clínico da Pessoa Idosa, com a participação de 60 (sessenta) profissionais das Equipes de Saúde da Família e dos Núcleos Ampliados à Saúde da Família (NASF) dos oito municípios que compõem a 3ª Região de Saúde: Acarape, Barreira, Guaiúba, Maracanaú, Maranguape, Pacatuba, Palmácia e Redenção. Para a exposição dialogada contou-se com a participação do Dr. João Bastos Freire Neto, Médico, Especialista em Clínica Médica; Medicina de Família e Comunidade; Geriatria; Gestão da Clínica nas Regiões de Saúde e atualmente Coordenador de Saúde da Pessoa Idosa da Secretaria Municipal de Saúde de Fortaleza.

O principal objetivo foi possibilitar às Equipes de Atenção Primária o desenvolvimento de competências relacionadas à (ao):

  • Análise da epidemiologia do envelhecimento no país e no estado do Ceará.
  • Reconhecimento da importância da melhoria da qualidade da assistência à pessoa idosa na Atenção Primária à Saúde.
  • Utilização da estratificação de risco da pessoa idosa para implantação do modelo de atenção às condições crônicas no SUS.
  • Identificação de idosos acometidos por quadros depressivos.
  • Identificação e manejo de idosos com disfagia para prevenção de pneumonias.
  • Identificação de idosos acometidos por demência que tenham indicação para encaminhamento à Atenção Ambulatorial Especializada.
  • Reconhecimento, classificação e manejo de lesões de pele por pressão em idosos.
  • Prevenção da polifarmácia em idosos.
  • Prevenção de quedas em idosos.
  • Prevenção de novos acidentes vasculares cerebrais em idosos.

No período de dispersão, os participantes deverão desenvolver os seguintes produtos: Estratificação de risco dos idosos conforme sua classificação de vulnerabilidade; e a Identificação de idosos com depressão, demência, disfagia, pneumonia e com história de acidente vascular cerebral.

Sabe-se que a qualidade de vida nos idosos está diretamente relacionada à sua funcionalidade e independência, portanto a meta a ser atingida neste público não seria a cura das doenças e sim o seu controle, a manutenção da funcionalidade e da independência para as atividades da vida diária.

 

*Texto enviado pela 3ª CRES - Maracanaú

 

--

Assessoria de Comunicação do COSEMS/CE
Amanda Macêdo / Fernando Cruz / Karlla Gadelha / Mário Cabral
Telefone: (85) 3101.5444
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

A 21ª CRES realiza hoje a I Oficina de monitoramento do painel de indicadores de vigilância em saúde de 2018, com a presença de profissionais dos seis municípios que compõem a região de Saúde de Juazeiro do Norte. O Painel de indicadores de vigilância em saúde é uma estratégia da Coordenadoria de Vigilância em Saúde da SESA desde 2015 e a 21ª CRES tem realizado o monitoramento desses indicadores de forma sistemática também, algumas vezes na Coordenadoria e outras vezes através da CRES itinerante, realizada em cada município.

 

*Com informações da Apoiadora do COSEMS/CE, Neidjane Vásques.

--

Assessoria de Comunicação do COSEMS/CE
Amanda Macêdo / Fernando Cruz / Karlla Gadelha / Mário Cabral
Telefone: (85) 3101.5444
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Página 1 de 2